sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Últimas notícias do caso Peña Esclusa

Voltando com as últimas notícias da audiência de Peña Esclusa.

Esta audiência era para decidir se Alejandro deveria aguardar julgamento em liberdade ou encarcerado. Ainda não era para julgá-lo do crime que foi acusado, fraudulentamente, pelo regime ditatorial chavista. Segundo acaba de nos informar Indira, através do Facebook, o juiz decidiu que ele deverá ser julgado em data posterior, mas privado da liberdade ou seja, encarcerado, acusado dos crimes "associação para delinqüir e ocultamento de armas de guerra".

Desde que ele foi preso, seus advogados tentaram um habeas corpus mas foi negado por este mesmo juiz, Luis Cabrera, considerando a "periculosidade" dos crimes de que era acusado. Chávez queira Alejandro fora de circulação acreditando que, encarcerado, sua voz e sua popularidade iriam ser calados sob o calabouço onde o trancafiaram. Agora Chávez pode dormir tranqüilo, pois o "terrorista" Alejandro Peña Esclusa vai mofar nos calabouços miseráveis de seu regime criminoso por mais algum tempo mas, a Justiça Divina pode tardar mas não falha, e o dia de Chávez há de chegar.

Não digo isto me referindo a um assassinato, do qual sou absolutamente contra, porque o infeliz se livra das acusações. Refiro-me ao peso da justiça que um dia há de julgá-lo, com todo o rigor da Lei. A Venezuela não vai viver sob esta infâmia chavista por muito tempo e um dia ele sentará no banco dos réus, na Venezuela ou em Haya, mas seu dia haverá de chegar, com a graça de Deus.

Que Deus ajude e ampare Alejandro e sua brava família, para que aceitem esta provação com a serenidade que sempre marcou suas vidas e que desespera o demoníaco Chávez.

A este juiz infame, prevaricador e miserável, que Deus não lhe permita ter um minuto de sossego e que cada vez que ele se sentar no tribunal, milhões de vozes ecoem em sua consciência condenando-o pelo crime que ele acaba de cometer investido de uma toga contra um inocente.

Estou tristíssima mas não podemos esmorecer porque um cristão vive da esperança e, afinal, o caso não está concluído. Por isso insisto com todos para que, quem ainda não assinou aquela petição que o faça sem demora, pois vamos continuar lutando pela liberdade de Alejandro.

Fiquem com Deus e até a próxima!

Comentários: G. Salgueiro

11 comentários:

Gilmar Moschem disse...

Lamentável, mas já esperado.
Se não houver forças externas o Penã Exclusa mofará nas calabouços ditatorias Chavistas compartilhados e anuidos com os petistas do lulismo.
Acho que somente (mais uma vez) a USA terá que interceder para tentar salvar este homem.
Gilmar.

Montenegro disse...

Nossa solidariedade, nossas orações vão para a família Peña Esclusa. E devemos mobilizar uma campanha cerrada para reunir assinaturas em favor deste homem, o mais corajoso entre os últimos democratas da América do Sul.

Hermés disse...

Pensei em clamar por um Salmo Imprecatório, mas ainda estou na vontade a caminho, quem sabe, da fé. A espiral do silêncio que paira na Ibero-América ultrapassou todos os limites do entendimento humano.
Agora quero ler o que o Afif e os oportunistas de plantão vão dizer.

Luís Francisco disse...

Certa está a Graça em não apoiar o assassínio de Chavez. Ele, assassinado, seria transformado em mártir pelo Foro de São Paulo, um "Che" do novo milênio. Ele não merece esta honra.

Att em Cristo
Luís Francisco

Cavaleiro do Templo disse...

Eu até achei estranho não o condenarem à prisão perpétua ou algo do tipo ouvir os discos da Xuxa durante vinte anos ininterruptos. Eu estranharia se ele fosse liberto ou condenado a (mais) seis meses de cadeia apenas.

Alejandro vai cada dia mais entrando para a história do nosso continente e do mundo como mais um que suporta, em nome de todos, canalhas imundos.

Abraços Graça, parabéns.
CT

G. Salgueiro disse...

Olá, Gilmar,

É verdade. Sem uma interferência externa, a violação aos direitos destas pessoas se consolidará cada vez mais.
O que nós podemos fazer é continuar denunciando, assinando a petição e não esmorecer.
Obrigada por seu apoio e, se quiser ajudar, divulgue a petição o máximo que você puder.
Abraços
MG

G. Salgueiro disse...

É isso, amigo Montenegro.
Não podemos nos calar diante dessa infâmia como se não tivesse nada a ver conosco.
E não esqueçam que toda esta perseguição é comandada pelo Foro de São Paulo, o qual Alejandro vem denunciando há mais de uma década!
Grande abraço,
MG

G. Salgueiro disse...

Estimado Hermés,

Como você, também quero ver se a imprensa brasileira - que tem se omitido vergonhosamente durante todo este episódio - vai comentar alguma coisa.
Duvido muito, pois aqui não existe imparcialidade, lisura e transparência quanto à obrigação de bem informar.
Fosse um "líder" do malfadado MST ou de algum grupo terrorista que estivesse na situação do Alejandro, e o mundo viria a baixo com manchetes diárias.
Mas nós estamos aqui, como formiguinhas, fazendo o que eles não fazem.
Abração feliz por vê-lo aqui de novo,
MG

G. Salgueiro disse...

É isso, Luis Francisco!

Só aceito o assassinato em legítima defesa. Não sendo assim, Deus, que deu a vida a este monstro, que a leve quando achar que chegou a hora de desinfetar o planeta.
Abraços,
MG

G. Salgueiro disse...

É, Cavaleiro, meu irmãozinho.
Alejandro se agiganta aos olhos dos homens e de Deus, por suportar com dignidade mais esta prova, como os primeiros mártires cristãos suportavam em sua época.
E um dia a Justiça Divina o cobrirá e nós vamos estar aqui para assistir, se Deus quiser!
Beijão
MG

Anônimo disse...

Graça, sua entrevista, finalmente, pusemos no ar ainda agora:

http://veradextra.blogspot.com/2011/02/video-entrevista-exclusiva-com-graca.html

http://veradextra.blogspot.com/2011/02/entrevista-exclusiva-com-graca_06.html

http://veradextra.blogspot.com/2011/02/entrevista-exclusiva-com-graca.html