terça-feira, 13 de julho de 2010

Alejandro Peña Esclusa é preso por ordem de Cuba!

Na edição que fiz em 4 de fevereiro deste ano, eu alertei sobre a importação do “comandante” Ramiro Valdés, um dos principais artífices da “revolução” cubana. O motivo que Chávez, em conluio com os Castro, alegava para a presença deste assassino cruel e sanguinário na Venezuela não se sustentava, pois este elemento não entende nada de energia, cargo para o qual supostamente foi chamado a desempenhar. O motivo não era outro senão recrudescer a repressão e utilizar de métodos que esses monstros conhecem melhor do que o ex KGB, de plantar provas falsas, criar factóides de “ataques terroristas” ou o velho discurso do “magnicídio”.

Nessa esteira foram “expropriadas” incontáveis empresas privadas e presos não sei quantos opositores ao regime. Hoje, lamentavelmente, chegou a vez do meu querido amigo e companheiro de lutas de há 10 anos, Alejandro Peña Esclusa, presidente das organizações, Fuerza Solidaria e UnoAmérica.

A notícia me chegou perto das 11 da noite dessa segunda-feira. Tentei confirmar a informação e buscar mais detalhes, por isso só agora posso escrever esta edição, preocupada, constrangida e solidária com meu amigo, embora impossibilitada de falar com ele.

Hoje pela manhã Alejandro emitiu o vídeo-editorial que sempre divulga às segundas-feiras, onde ele denunciava novas calúnias de Chávez a seu respeito, desta vez, vinculando-o a um suposto terrorista salvadorenho de nome Francisco Chávez Abarca. Às 5 horas da tarde um efetivo de 25 policiais da antiga DISIP, hoje SEBIN (Serviço Bolivariano de Inteligência Nacional), invadiu a residência de Peña Esclusa com um grupo da Divisão de Explosivos, para plantar provas que o incriminem.

Quem conhece Alejandro sabe que a última coisa presente em suas manifestações é a violência mas, para justificar sua prisão, alegam que em seu apartamento havia armas e explosivos. Segundo informa o Globovision, o diretor de contra-inteligência do SEBIN, David Colmenares, disse que “dando seguimento a informações fornecidas pelo terrorista Francisco Antonio Chávez Abarca, quem fez uma série de assinalamentos, estamos começando essa série de trabalhos que vamos realizar a partir dessa confissão que nos ofereceu este terrorista, que foi capturado e deportado a Cuba, por atos de terrorismo nesse lugar”.

Diz ainda Colmenares que “na ação encontraram-se prováveis evidências de natureza explosiva. Experts realizam prova de campo e posteriormente farão o resto das perícias”. Acrescentou que “durante o procedimento não houve necessidade de fazer nenhuma ação violenta porque o envolvido reconheceu os achados”.

Ora, esses dois pequenos parágrafos são bastante reveladores. Primeiro, por que o terrorista “cúmplice” de Alejandro não foi deportado para seu país e sim para Cuba? Porque ele foi à Venezuela com a missão de incriminar Alejandro, a mando dos Castro, a pedido de Chávez! Os jornais não estão tocando neste ponto, e todos estão repetindo a farsa criminosa que está sendo divulgada pelos verdadeiros autores do crime!

O outro aspecto revelador é a afirmação de que não houve necessidade de nenhuma ação violenta porque o “envolvido” reconheceu os achados. Não houve necessidade de violência porque Alejandro NÃO é violento! Será que alguém que é tão perigoso e trama ações terroristas iria ver sua casa invadida sem reagir a bala? Será que este bando de estúpidos criminosos acreditam mesmo que ninguém conhece Alejandro a ponto de engolir tamanha farsa? Ademais, dizer que ele “reconheceu os achados” e nenhum jornal levantar a voz para defendê-lo de uma acusação espúria como esta, é de dar vergonha e asco, pois Alejandro arriscou a própria pele por muitos desses jornais, inclusive defendendo os donos da Globovision que hoje repete esta calúnia sem replicar! Esta afirmação é FALSA! Duvido que Alejandro tenha admitido ter explosivos em casa e ser comparsa de um terrorista!

Não quero mais falar disso até que tenha mais informações, mas deixo ao julgamento de vocês, sobretudo daqueles que não o conhecem, se essas acusações procedem ou são crimes premeditadamente planejados pelo G2 cubano em conluio com Chávez. No vídeo que Alejandro apresentou ontem de manhã – postado mais abaixo -, ele já denunciava as calúnias que se cometem contra ele, não agora com o caso desse salvadorenho mas há anos; assistam e tirem suas conclusões a respeito da detenção de que ele está sendo vítima. E em seguida, o vídeo realizado por Elio Aponte de ORVEX, onde ele detalha como foi o invasão e prisão de Alejandro.

O Notalatina vai ficar alerta a este acontecimento insólito e criminoso e poderá voltar mais tarde com mais informações. Que Deus não permita tamanho sofrimento à família de Alejandro e que os verdadeiros culpados sejam desmascarados com a máxima brevidade. Fiquem com Deus e até a próxima!

Comentários e traduções: G. Salgueiro




7 comentários:

Cavaleiro do Templo disse...

Ato desesperado de Chávez? Prender o senhor Alejandro neste momento me parece um desvario político. Acho que Chávez deu um belo tiro no pé. Se causarem grave mal ao senhor Alejandro o mundo poderá ter um belo exemplo do trato dado a quem faz oposição ao "devalirante" da Venezuela. Que Deus não permita isto.

Que acha, Graça? Chávez desesperou?

Abraços

CT

Maximiano Henrique Rebequi dos Santos disse...

Estarei orando pela boa resolução desta situação e se possível farei o que puder para ajudar.
Abraços

meri - são paulo disse...

Querida Graça

Estou orando pelo Alejandro Peña e pedindo orações também aos amigos.
Fico atenta a qualquer outra mobilização que se faça necessária.
Na paz e força do Senhor

Meri
São Paulo

Anônimo disse...

Alô Graça
Estou também preocupadíssimo com esta notícia que apresentou,pois tomei conhecimento pela manhã desta terça.
Eespero que surjam forças EXTERNAS para ajudar o Esclusa,pois da região poucas esperanças tenho.O regime cubano-venezuelano já é uma ditadura e talvez se torne pior que a cubana e todo cuidado é MUITO POUCO,inclusive para aqueles que estão no exterior e se acham protegidos pela distância.A segurança constitucional na América Latina só se tem e pouco na Colombia.
abraços

karlos

Cavaleiro do Templo disse...

Neste vídeo Maria Elvira faz uma entrevista com dois senhores e nos mostra a estranheza que foi este canalha (Abarca) chegando na Venezuela.

http://www.youtube.com/watch?v=wK2Pl8U2OFI.

Graça, como sempre e mais uma vez, acerta na mosca.

CT

Moisés Carvalho disse...

É provável que seja desforra. Alejandro publicou um vídeo que pode ter sido muito influente no resultado das eleições na Colômbia. Uma derrota humilhante dos bolivarianos do Foro de São Paulo. Querem usar o Alejandro como exemplo para quem ousar se opor aos planos deles.

Orações pelo Alejandro.

Maximiano Henrique Rebequi dos Santos disse...

Já mandei uma carta de protesto, sugiro que mandem também.
Abraços