sexta-feira, 25 de junho de 2010

Olavo e Graça na Colômbia

Eu havia prometido comentar sobre minha estada na Colômbia mas as eleições, e depois outros fatores, me obrigaram a deixar isto para mais adiante. Então, hoje recebi uma nota de UnoAmérica sobre nossa visita e resolvi publicá-la aqui para meus leitores. Tenho, entretanto, algumas ressalvas a fazer. Estive na Colômbia por apenas uma semana, muito rica em contatos, mas a agenda inicial teve que ser totalmente refeita (e era alterada quase que diariamente) em decorrência de compromissos que as pessoas tinham em relação à eleição que ocorreria no domingo seguinte à minha volta, e a inesperada e magnífica operação que resgatou os militares e policiais em poder das FARC, não permitindo, por isso, que os encontros com militares do Exército ocorressem.

Entretanto, na semana seguinte, quando Olavo ainda estava lá, ele pôde realizar alguns desses contatos que haviam programado para nós. Nesta edição de hoje apresento no final os vídeos da palestra que Olavo fez na Escola de Cadetes da Polícia General Santander, sobre a mente revolucionária, bem como a entrevista que ele deu a Fernando Londoño no programa “La Hora de la Verdad”.

Também nesta edição publico muito honrada uma carta que recebi do Coronel Alfonso Plazas Vega, criminosamente condenado a 30 anos de prisão, pelo “delito” de ter salvado mais de 260 pessoas no ataque terrorista do M-19 ao Palácio da Justiça em 1985, cuja síntese da história vocês podem conhecer neste excelente artigo do Olavo, intitulado A Colômbia que o Brasil não conhece.

Esta carta que o Coronel Plazas me escreveu, refere-se ao que publiquei em meu blog “Observatorio brasileño” em seu favor, que pode ser lido aqui, e na edição de ontem onde eu agradeci e reiterei meu apoio.

Esclareço aos amigos leitores deste blog que tenho recebido incontáveis comentários de elementos paquidérmicos e ignorantes e que eles foram sumariamente rejeitados porque, como já disse reiteradas vezes, este é um espaço privado e como tal, não posso deixar que emporcalhem como fazem em banheiros públicos. Isto aqui não é um diário de uma adolescente onde eu necessite falar de minha vida privada, porque não devo satisfação a ninguém senão a Deus. Ademais, quem não gosta do que escrevo ou não concorda com meus pontos de vista, faça um favor a si mesmo e mantenha-se longe e em silêncio. Não posso perder tempo com espíritos de porco e gentinha ignorante que escreve “você” com CEDILHA!

Então, vamos à carta do Coronel Plazas Vega, ao artigo de UnoAmérica e aos vídeos. Fiquem com Deus e até a próxima!

*****

Muy apreciada Gracia Salgueiro:

Aunque no tengo el gusto de conocerte, ya tengo un inmenso afecto por ti. Mi señora, Thania, me ha contado sobre tu manera de ser, tu trato humano y considerado con ella, que ha sufrido tanto este crimen del comunismo internacional contra nuestra familia.

Gracias por este magnífico artículo, bien documentado en una página muy reconocida como es "Observatorio Brasileño". He leído en ella varios escritos desde hace mas de un año, cuando la conocí por invitación del Coronel Luis Villamarín, que es uno de sus mas valiosos columnistas.

Latinoamérica está en un gravísimo peligro de convertirse en el reemplazo de la URSS. Eso en resumidas cuentas es el Foro de Sao Paulo, creado cuando se les cayó el telón de acero, y los comunistas se quedaron sin casa. Ahora la quieren organizar en nuestros países, y no podemos permitirlo.

Tu eres una de las titánicas luchadoras de esta causa, y una generosa colaboradora con quienes hemos sido víctimas de esta conjura trasnacional.

Junto con mi inmensa gratitud, te mando un afectuoso saludo.

Alfonso Plazas.

*****

Olavo de Carvalho e Graça Salgueiro de visita à Colômbia

UnoAmérica teve a alegria de contar com a visita de dois dos principais colunistas e o filósofo do Brasil: Olavo de Carvalho e Graça Salgueiro, os quais vieram em representação da Fundação Hayek como analistas do processo eleitoral da Colômbia, no passado 20 de junho, no qual se elegeu como novo presidente Juan Manuel Santos.

O filósofo e a colunista ofereceram várias entrevistas para jovens pertencentes ao Partido Conservador e à juventude do Partido da U, assim como também na Escola de Cadetes da Polícia General Santander [1].

Olavo de Carvalho é considerado como um dos mais originais e audazes pensadores brasileiros. É o principal filósofo que o Brasil tem hoje. Seu trabalho centra-se na investigação de como funciona a mentalidade revolucionária, especialmente na América Latina.

Por sua parte, Graça Salgueiro estudou a estratégia da esquerda latino-americana, que o Foro de São Paulo lidera atualmente no continente, além de ser colunista e tradutora de grandes escritores latino-americanos. O presidente Uribe lhe enviou uma carta de agradecimento, exaltando seu trabalho.

O programa “Realidades” [2], da Federación Verdad Colombia, e “La Hora de la Verdad”, dirigido por Fernando Londoño, entrevistaram estes dois grandes personagens que pertencem a UnoAmérica.

Uma saudação afetuosa, nossa admiração e gratidão pelo trabalho que fazem em prol de nossas nações latino-americanas.

Notas da tradutora:

[1] Esta palestra foi exclusivamente do Olavo, pois na semana anterior em que ainda estava lá não pudemos contatar com nenhum militar, em decorrência da “Operação Camaleão” que resgatou quatro militares e policiais seqüestrados há doze anos pelas FARC.

[2] Ainda estamos aguardando o áudio desta entrevista e tão logo nos chegue às mãos, divulgaremos. A entrevista com Fernando Londoño pode ser ouvida abaixo.






Comentários e tradução: G. Salgueiro

5 comentários:

Tia Cê, a Luz emana de mim disse...

Ai Graça, paquidermicos do cecidilha, nome de escola de samba.

Digi-Alchemist disse...

Leia o capítulo VIII do "Livro de Haruhi" em http://livrodeharuhi.blogspot.com/

G. Salgueiro disse...

Digi-Alchemist,

Você me levou às lágrimas. Não mereço isso tudo, tenho certeza!
De todo modo, muito obrigada por tudo e que Deus o (a?) abençoe abundantemente, sempre e eternamente!
Abraço forte e fraterno,
MG

Anônimo disse...

Cara Sra Graça Salgueiro

Tive grande satisfação em tomar conhecimento (tardiamente) de seu valoroso Blog. Quero cumprimentá-la pelo excelente trabalho que realiza no sentido de levar informações preciosas a respeito da grande quadrilha que tomou o poder na América Latina. Pessoas como a Sra. estão se tornando raras nesse ambiente poluído por sociopatas que se utilizam de ideologia para praticar crimes arquitetados por suas personalidades erráticas. Concito a continuar na luta que, pelo que observo, não será nada fácil daqui para frente, com a provável eleição de uma terrorista. Sorte para todos nós.

Anônimo disse...

Graça. Meu nome é Tomaz Fleury e a algum tempo acompanho sue trabalho E adoro cada letra. Obrigado e parabéns.
A dias li a carta que a esposa do Cel Plazas escreveu para a juóza que o condenou. Me inspirei e me compadeci muito com ela.
A alguns dias, nas minhas orações matinais uma das leituras era o Salmo 36 que é a cara de consolo possível a ela, ao Cel e sua família. Como católico e seguidor da recomedação de que devemos fazer "corporal works of mercy" (moro nos EUA e não sei como se fala em português) recomendo e peço que você faça chegar a família a recomendação de lê-lo.
Saúde, Paz e muito amor e perseverança na sua luta. E que N. Sra. hold your hand along the way.