sexta-feira, 8 de maio de 2009

Estou de volta!

Após um longo período de afastamento em decorrência do evento da UnoAmérica no Rio, o Notalatina volta a atualizar-se. Antes, porém, quero comunicar aos amigos e leitores deste blog que NÃO MAIS FAÇO PARTE DO FAROL DA DEMOCRACIA REPRESENTATIVA, por discordar da nova orientação ideológica adotada pela referida organização.

Como vocês sabem, não é meu costume comentar em forma de postagem o que escrevem os leitores do blog mas de vez em quando surgem coisas patéticas, quando não estúpidas demais, que merecem um destaque. É ocaso de um comentário postado por um(a) anônimo(a) – para variar! – que transcrevo literalmente com todos os erros ortográficos, e comento em seguida. Vamos à missiva da tal pessoa “anônima”.

Prezada senhora,hoje me deparei com meu filho de 13 anos em estado de choque,mal disposto e apavorado,após ter visualizado a imagem acima exposta da criança barbaramente assassinada.Como mãe me sinto no dever apelar ao seu bom senso(?) para que antes de condenar o terrorismo organizado condene primeiro o terrorismo sensacionalista típico de voçes jornalistas ou pseudo-jornalistas.Este tipo de exposições é um desrespeito para com os mais jovens e pessoas mais sensiveis,colocado dessa maneira num blog de livre acesso.Peço ao autor desta pagina que retire este tipo de imagens,que em nada virtua os serviços de informação,sejam eles profissionais ou amadores.A consciencia e a ética deveriam estar presentes em sua\vossa deontologia.Se lembre que voçê TAMBÉM está cometendo terrorismo.

Bem, em primeiro lugar, não sei se esta pessoa é mesmo uma zelosa mãe preocupada com seu sensível filhinho de 13 anos, nem se esse filho existe, ou ainda, se tudo isso não é um tremendo fake de algum comuna que não tem coragem de assumir as idiotices que escreve – e mal! Supondo que tudo isto seja verdade, acho um espanto, um fenômeno digno do Guiness, que uma criança brasileira de apenas 13 anos de idade tenha interesse por análises políticas e mais ainda quando quase sempre tratam de fatos ocorridos nos países sul-americanos. Em geral, um menino nessa idade está muito mais interessado em ler revistas como a Playboy ou então gibis do Homem Aranha ou Volverine, sem falar no pornô-deseducativo BBB que esta suposta mãe deve assistir e torcer junto ao seu amado filhinho.

Em segundo lugar, supondo que este fenômeno de 13 anos leu a postagem feita no ano passado, é notável que tenha se “chocado” apenas com a foto do menino e não com a de Raúl Reyes, visualmente muito mais violenta, tampouco com o que dizia no texto a respeito dos crimes cometidos por este terrorista. A criança ficou em “estado de choque” com o crime cometido pelas FARC mas a mãe acusa a mim de fazer “terrorismo”!

A zelosa “mãe” apela para o meu “bom-senso”, minha “consciência”, minha “ética” e me acusa de fazer “terrorismo sensacionalista”. Muito bem, “dona mãe zelosa”. Então eu lhe faço algumas perguntinhas básicas, como por exemplo: se a senhora é mesmo tão cuidadosa com a saúde emocional e psicológica de seu amado filhinho, por que não põe um bloqueio nas páginas de internet que julga nocivas para a alminha sensível dele? É simples assim! A senhora sabe realmente o que é terrorismo? E, supondo que sim (hoje estou muito generosa e tolerante!), a senhora leu o texto relativo às fotos (e os subseqüentes) para achar que eu – e não as FARC! – pratico terrorismo ao divulgar as monstruosidades que este bando comuno-terrorista pratica há quase 50 anos, e que a mídia inteira esconde de seus leitores? Não culpe o carteiro pela má notícia porque apenas estou mostrando a realidade dos fatos que a mídia conivente esconde.

“Dona mãe zelosa”, a senhora certamente não fica tão indignada se seu sensível filhinho lhe pedir para comprar uma camisa com a cara do monstro Guevara, ou se tiver um adesivo do mesmo pregado em seus cadernos escolares, não é mesmo? E, certamente, permitiu – e quiçá o incentivou – a assistir “Diários de motocicleta”, uma peça de propaganda mentirosa sobre a vida deste ser abjeto, desta “fria e seletiva máquina de matar”, não é verdade?

“Dona zelosa” acha um desrespeito essa exposição num blog de livre acesso e eu respondo: dona, desrespeito é a senhora me acusar de terrorista por informar a verdade que há anos é ocultada do público – CRIMINOSAMENTE -, invertendo a situação do mesmo modo que fazem as FARC e os membros do Foro de São Paulo, cujo mandante é o seu presidente Lula, quando chamam a REAÇÃO do governo Uribe de “terrorismo de Estado”. Isto é tática velha dos comunistas, apoiados na máxima leninista de “acuse-os do que você faz, xingue-os do que você é”. Não caio nesse bordão velho e mentiroso. Achou muito ruim o que viu? Ficou em estado de choque? Tenho a solução: NÃO VEJA! Enfie a cabeça na terra como o avestruz e continue acreditando nas mentiras comunistas até se tornar uma vítima deles! Eu não pedi a ninguém que lesse o que escrevo e a senhora – e seu sensível filhinho – leram porque quiseram, ora?!

E “Dona zelosa” segue em sua cruzada, pedindo que eu “retire este tipo de imagens” do meu blog. Olha aqui, dona: isto aqui é uma propriedade privada e não a casa da mãe Joana, entendeu? Vá mandar no seu terreiro porque este blog tem dono. Aqui sempre será publicado o que eu quiser, doa a quem doer, porque eu sim, tenho compromisso com a ética e a verdade, e não quem tenta embelezar bandos terroristas ou encobrir os crimes horrendos que os comunistas praticam há quase um século, como o seu presidente Lula. A senhora e seu sensível filhinho se chocaram com o menino degolado?

Pois veja mais estas fotos, produto das FARC e dos comunistas ao longo dos tempos. Isto não é “terrorismo” mas choque realidade, dona, que a senhora não quer que seu filho saiba porque certamente os defende.


Cavalo-bomba, explodido pelas FARC


Criança morta pela fome imposta por Stalin aos ucranianos que matou mais de 6 milhões de pessoas, conhecido como "Holodomor"

A senhora devia se indignar, não com o serviço que eu presto aos leitores, mas com as denúncias que faço. Não sou eu quem pratica esses crimes, tampouco as Forças de Segurança Nacional da Colômbia ou o presidente Uribe, mas esta escória que a senhora quer apadrinhar com suas críticas estúpidas e infundadas.

Minha senhora, deixe-me dizer-lhe uma última coisa: vá catar coquinhos e não me torre a paciência porque sua tática é velha e comigo não funciona. E não vou dizer aqui quem é terrorista porque respeito as genitoras, mesmo as funcionárias de bordel.

Fiquem com Deus e até a próxima!

Comentários: G. Salgueiro

15 comentários:

Wagner disse...

Essa doeu nos dedos dessa zelosa senhora! Palmatória neles.

Anônimo disse...

Graça,

Gostaria de saber qual a mudança ideológica que ocorreu no Farol!
Obrigado.

Fernando Gonçalves

G. Salgueiro disse...

Olá, Fernando,

Leia este editorial do dia 5 e você poderá compreender: http://www.faroldademocracia.org/editorial_unico.asp?id_editorial=279
Entretanto, não gostaria de comentar mais sobre este lamentável fato. Após ler, tire suas conclusões.
Abraço cordial,
MG

Anônimo disse...

Cara Amiga,
Estou com você o comunismo é uma grande farsa.
Esta senhora é uma PTralha.
Que o Deus, de Abrão te protega ok!

Esperança disse...

Off topic

Rebecca Santoro faz um apelo:

Força e Coragem – Quando a Realidade Bate à nossa Porta...
http://www.imortaisguerreiros.com/destaques.htm#379218178
Por Rebecca Santoro / 07.05.09

Não tenho escrito muito e nem publicado os artigos de terceiros - tão importantes - que tenho vindo sempre divulgando. Parei um tempo para refletir sobre a realidade. É, chega uma hora em que ela é implacável e finalmente bate à nossa porta cobrando decisões inadiáveis. Chegou a minha. Pedi um tempo. A Realidade está parada em frente à minha porta, de braços cruzados, porém sem muita paciência, esperando para ouvir o que tenho a dizer sobre as decisões que terei que tomar. Encostei a porta e, neste momento, atrás dessa porta, olho para minha casa, para meus familiares, para minhas coisas. Filmes da vida inteira me vêm à mente. Rezo, peço sabedoria. Confronto-me com o que sou e com o que, talvez, terei que extirpar de dentro de mim, a um custo altíssimo, diga-se de passagem, para continuar minha caminhada pela vida.

Continua no link acima

Estéfani José Agoston disse...

Dona Graça Salgueiro, aprecio seu estilo, direto e objetivo. Do FdaDRepresentativa, penso que o trecho que copiei é que tem um significado estranho: “A crítica ao status quo, evidentemente revolucionário, é intelectual e pedagógica, deixando o ativismo político para os partidos, legítimos organismos intermediários entre os cidadãos e a “sociedade política”.”. Pelo menos, para mim, é muito estranho, pois penso que todos nós, cidadãos, é que formamos a Pátria, e a todos nós cabe o trabalho de manter a integração, a luta contra a corrupção, a restauração da Justiça Justa igual para Todos e o Progresso com Ordem, já que os partidos políticos, construídos e mantidos com fraudes, não têm o mínimo interesse em modificar situações que são nutrientes para a permanência deles no poder.

Peço à senhora, confirmar se o pensamento contido nesse trecho recortado e copiado, é que também lhe desgostou.

Claro posso estar errado, mas é minha impressão que existe uma grande confusão no espírito de muitos ativistas, provocando dispersão de esforços, e às vezes até antagonismos, isso tudo por falta de uma liderança aceite por todos, que equilibre os acontecimentos, aparando as arestas, e promovendo a junção de forças. Não sei se fui claro na exposição de meus pensamentos. De qualquer forma, é um prazer intelectual, saber que temos inteligências como a sua, em nossa Pátria.

Dartagnan disse...

Como diriam os garotos de 13 aninhos...mando bem! A Graça comanda...nao tem vez pra cao...

Parabéns pela coragem e por você ser quem você é.

Fique com Deus hoje e sempre...

Cord.
Dartagnan da Silva Zanela
http://zanela.blospot.com

G. Salgueiro disse...

Hehehe...
Gracias, Profº Dartagnan!
Fique com Deus!
Abração
MG

Beth disse...

Graça,
Concordo com o Estéfani, no destaque que deu ao trecho "dúbio", do editorial do FDR. Confesso que fiquei meio sem norte com a tua posição e a do Heitor,que também se desligou. O que vocês escrevem são subsídios importantíssimos para a nossa reflexão, acho que vale a pena, sim, retomares e elucidar melhor esta questão, até pela credibilidade empenhada com vocês.Num país onde está "tudo dominado", precisamos saber em quem confiar!
Abs, Beth

Anônimo disse...

Graça,

Concordo plenamente com as palavras da Beth.
Como falei para o Heitor, somos miseravelmente poucos para haver dissidências. O nosso entendimento é fundamental para continuar qualquer luta pela Liberal-Democracia.
Sugiro que se discuta com mais objetividade este assunto, enfrentando o problema de frente para podermos seguir esta caminhada.
Você, assim como o Heitor não são apenas importantes, são fundamentais para que possamos construir algo melhor.
obrigado por tudo que ja fez, e espero que Deus ilumine a todos.

Fernando Gonçalves

filoxera disse...

Graça

Com 13 anos ainda è filhinho de mamãe? Nunca viu filmes de guerra, nem policiais, nem noticiarios com mortes violentas, mas, apenas a foto que colocou.

Então tá, temos mamãe bolchevique autoritaria e filhinho boiola.

Anônimo disse...

Procurei pela endereço: http://www.faroldademocracia.org/editorial_unico.asp?id_editorial=279 e ele foi apagado. Felizmente eu já tinha lido, senão ficaria sem saber do que aconteceu.
Apoio veementemente ao Heitor de Paola e a você Graça, sou seu leitor assíduo.
A luta é árdua, que Deus nos ajude.

Gouveia

Rubens disse...

Graça bom dia!
À vezes temos que nos confrontar com inocentes úteis como a "mãe zeloza". Há de se ter um grande saco, para não cair os cabelos e perder a santa paciência. Mas você deu uma belíssima resposta a esta senhora, a do filhinho boiola.
As pessoas perderam o senso da realidade, não só "nefti paíff", mas como no resto do mundo. A grande maioria norteia sua vida de acordo com o que a "grande mirdia" propagandeia e desinforma.
Parabéns pelo trabalho que você está realizando. NÃO PARE NUNCA, pois precisamos de informações verdadeiras para podermos vislumbrar um futuro melhor, ou pelo menos para nos proteger deste comunismo de merda que está afligindo a América Latina.

SueliGuerra disse...

Sra. Graça Salgueiro

Respondeu a altura a esta mãe petralha zelosa. É assim que estes comunas devem ser tratados, estão se sentindo os donos da verdade, quando na realidade vivem da mentira e da corrupção.
SueliGuerra

Anônimo disse...

SALGUEIRO,PODERIA SER UM JORNAL DE
EXPLICAÇÕES MAS,ASSIM É MELHOR,OU SEJA,CURTA E DIRETA,POIS NÃO VALE A PENA GASTAR VELAS COM DEFUNTO RUÍM.
DONA ZELOSA DEVERÍA APRENDER COMO MANEJAR UM CP.ONDE TEM MUITOS BOTÕES
PARA DAR UM (CLIK),TALVEZ NO FUTURO ELA APRENDA COMO BLOQUEAR COM UM (CLIK).
QUANTO A POLÍTICA E POLÍTICOS,PENSO QUE EÇA DE QUEIROZ TAMBEM DEU SEU RECADO CURTO E DIRETO QUANDO DISSE;

(OS POLÍTICOS E AS FRALDAS DEVEM SER MUDADOS(DAS)FREQUENTEMENTE E PELA MESMA RAZÃO)